Escolas de Quixaba, Tuparetama e Triunfo atingem as melhores notas no Idepe

 A maioria das escolas premiadas pelos resultados no ensino fundamental e médio na edição 2018 do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco (Idepe) está localizada no interior do estado. Os resultados foram divulgados nesta quarta-feira (7) em cerimônia no Palácio do Campo das Princesas. Entre as escolas estaduais de nível médio, o primeiro lugar foi para a Escola de Referência em Ensino Médio Cônego Olímpio Torres, com nota 7,90, de Tuparetama.
Na categoria escolas municipais anos iniciais do ensino fundamental, o melhor desempenho foi registrado na Escola José Benicio Filho, de Panelas, no Agreste do estado, que obteve nota 8,74. Entre as escolas municipais com anos finais do ensino fundamental, a Escola Municipal Milton Pessoa, de Triunfo, com nota 8,05, ficou na primeira colocação. Também na categoria anos finais do ensino fundamental, mas na rede estadual de ensino, o primeiro lugar foi para a Escola Tomé Francisco Silva, de Quixaba, com nota 7,20.
O resultado geral do Idepe 2018 do estado foi 4,7; um crescimento de 0,2 em comparação com 2017, quando o indicador de Pernambuco foi de 4,5. De acordo com os dados divulgados pelo governo, apenas 11 escolas da rede estadual tiveram nota abaixo de 3 pontos. Em 2018, 48 escolas tiveram nota acima de 6 e nove ultrapassaram o indicador 7.
O Índice de Desenvolvimento da Educação de Pernambuco é o principal indicador da qualidade da educação do estado. A metodologia usada para o cálculo é o mesmo usado Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), principal métrica usada pelo Ministério da Educação (MEC). Enquanto o Ideb é calculado a cada dois anos, o Idepe é medido anualmente. No último Ideb, o indicador de Pernambuco no ensino médio foi 4. A média nacional nessa etapa de ensino foi 3,8.
Para ser calculado, o Idepe leva em conta tanto os resultados da avaliação do Sistema de Avaliação Educacional de Pernambuco (Saepe), em língua portuguesa e matemática, dos alunos das quarta e oitava séries do ensino fundamental e do terceiro ano do ensino médio, como também a média de aprovação dos alunos. “Anualmente, no mês de novembro, fazemos uma avaliação com todas as escolas da rede estadual e das redes municipais. A partir dos resultados dessas avaliações da aprendizagem dos estudantes, associado ao que chamamos de fluxo escolar, que é o estudante ser aprovado, não abandonar a escola, sai o Idepe”, explicou o secretário de Educação e Esportes de Pernambuco, Fred Amancio.
Na rede pública estadual, os resultados da avaliação do Saepe e as taxas de aprovação da escola, ao formarem o Idepe, além de servirem de diagnóstico para o sistema de educação de Pernambuco, são o requisito fundamental para o estabelecimento do Bônus de Desempenho Educacional (BDE). O BDE é pago às escolas que atingiram, total ou parcialmente, as metas pactuadas no ano passado. De acordo com Fred Amancio, como os anos anteriores, o BDE será pago aos educadores na folha de setembro.
Cerimônia – O evento de entrega dos certificados às escolas com os melhores desempenhos teve início com uma apresentação das estudantes Ana Vitória e Emilly Susane, da Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Doutor Walmy Campos Bezerra, de São José do Belmonte. “Para quem é pobre e nordestino, lutar por um futuro muitas vezes até dói. Mas é na educação que o estudante se constrói, pois o estudante é aroeira e a educação é a madeira de lei que o cupim não rói”, dizia a última estrofe do cordel criado por elas.
Escola vencedora não tem laboratórios
A escola que conquistou o primeiro lugar na categoria ensino médio – considerada a mais difícil – não tem laboratórios de biologia e de química. Os equipamentos foram comprados e estão à disposição dos alunos, mas não há um espaço específico para eles. Esse será o principal pleito da Erem Cônego Olímpio Torres, de Tuparetama, a 350 km do Recife, após atingir a maior nota da rede na última fase da educação básica.
A unidade de ensino quer também um auditório para realizar atividades, como aulões. “Atualmente, não conseguimos juntar todas as turmas porque não temos espaço. Os laboratórios, um auditório, ou seja, a ampliação do espaço físico da escola é hoje a nossa principal demanda”, afirmou a gestora da escola, Núbia Mamede.
A gestora ressaltou que o resultado do Idepe é fruto de uma construção feita ano após ano. “Realizamos monitoramentos muito específicos, temos uma equipe comprometida e estamos fazendo um trabalho que vem numa crescente. A cada ano, conseguimos melhorar os nossos resultados. No ano anterior, fomos a sexta melhor escola do estado e, agora, felizmente, tivemos essa surpresa que foi o primeiro lugar”, pontuou.
Crescimento – Além das escolas com os melhores desempenhos absolutos, o estado divulgou as escolas que mais cresceram no Idepe. Entre as escolas municipais de anos iniciais do ensino fundamental, os maiores saltos foram registrados em Palmerina (29,85%), Panelas (29,39%) e Inajá (24,99%). Nos anos finais do ensino fundamental das redes municipais, os maiores crescimentos foram em Lagoa do Carro (47,66%); Barra de Guabiraba (47,36%) e Machados (42,94%).
Já entre as escolas estaduais, nos anos finais do ensino fundamental, os crescimentos mais expressivos foram os das escolas Tobias Barreto, de Catende (51,9%); Antônio Padilha, de Petrolina (39,6%) e da Pastor Amaro de Sena, Abreu e Lima (37,8%). Já no ensino médio das escolas estaduais, os destaques foram para as escolas Coronel Valeriano Eugenio de Melo, de Olinda (76,5%); Estadual Joaquim Alves de Freitas, de Iguaraci (66,5%) e Escola de Referência em Ensino Médio Albertina da Costa Soares, Ipojuca (53,5%).
Confira os resultados:
Escolas municipais anos iniciais do ensino fundamental 
1° lugar – Escola José Benicio Filho: nota 8,74 (Panelas)
2° lugar – Escola Municipal Benjamim Ribeiro: nota 8,59 (Orobó)
3° lugar – Escola Municipal Joaquim Nabuco: nota 8,46 (Panelas)
Escolas municipais anos finais do ensino fundamental 
1° lugar – Escola Municipal Milton Pessoa: nota 8,05 (Triunfo)
2° lugar – Escola Municipal Antonio Medeiros: nota 7,77 (Serra Talhada)
3° lugar – Grupo Escolar Barra Azul: nota 7,58 (Bonito)
Escolas estaduais anos finais do ensino fundamental
1° lugar – Escola Tome Francisco Silva: nota 7,20 (Quixabá)
1° lugar – Escola Dário Gomes Lima: nota 7,20 (Flores)
3° lugar – escola Iracema Moura de Morais: nota 6,92 (Ibimirim)
Escolas estaduais do ensino médio
1° lugar – Erem Cônego Olímpio Torres: nota 7,90 (Tuparetama)
2° lugar – Escola Estadual Júlia Gomes Araújo: nota 7,58 (Tacaratu)
3° lugar – Erem Carlos Soares Silva: nota 7,33 (Salgadinho)
Municípios com melhores resultados nos anos iniciais do ensino fundamental
1º lugar – Panelas: nota 7,04
2º lugar – Brejinho: nota 7,12
3º lugar – Carnaíba: nota 7,04
Municípios com melhores resultados nos anos finais do ensino fundamental
1º lugar – Panelas: nota 6,76
2º lugar – Brejinho: nota 6,26
3º lugar – Triunfo: nota 6,10
Melhores escolas estaduais em parceria nos anos finais do ensino fundamental
1° lugar – Escola de Aplicação do Recife (UPE): nota 8,34
2º lugar – Escola de Aplicação de Garanhuns (UPE): nota 7,53
3º lugar – Escola de Aplicação de Petrolina (UPE): nota 7,17
Melhores escolas estaduais em parceria no ensino médio
1° lugar – Escola de Aplicação do Recife (UPE): nota 7,40
2º lugar – Escola de Aplicação de Garanhuns (UPE): nota 6,74
3º lugar – Escola de Aplicação de Petrolina (UPE): nota 6,63
Maiores crescimentos:
Escolas municipais – anos iniciais do ensino fundamental
Palmerina – 29,85%
Panelas – 29,39%
Inajá – 24,99%
Escolas municipais – anos finais do ensino fundamental
Lagoa do Carro – 47,66%
Barra de Guabiraba – 47,36%
Machados – 42,94%
Escolas estaduais – anos finais do ensino fundamental
Escola Tobias Barreto, Catende – 51,9%
Escola Antônio Padilha, Petrolina – 39,6%
Escola Pastor Amaro de Sena, Abreu e Lima – 37,8%
Escolas estaduais – ensino médio
Escola Coronel Valeriano Eugenio de Melo, Olinda – 76,5%
Escola Estadual Joaquim Alves de Freitas, Iguaraci – 66,5%
Escola de Referência em Ensino Médio Albertina da Costa Soares, Ipojuca – 53,5%

Anterior Proxima Página inicial