Cartunista francês mostra Bolsonaro cagando o Brasil

 Ao que parece, o feitiço virou contra o feiticeiro. De tanto falar em cocô, Jair Bolsonaro teve sua imagem relacionada ao ato de defecar de forma irônica por nada menos que Charlie Hebdo, veículo francês conhecido mundialmente por suas tiras e cartuns satíricos.
O cartunista Nicolas Tabary ironizou o vocabulário do presidente brasileiro na edição que foi às bancas na última quarta-feira, 14, da revista semanal.
No desenho, é possível ver Bolsonaro defecando sobre um sorvete no centro da bandeira brasileira. “Não é bom, senhor Bolsonaro, fazer cocô em todo mundo”, alertou o cartum.
Já o presidente responde na arte que “é bom porque eu faço cocô todos os dias, para preservar o meio ambiente e o planeta”. Para quem não sabe, esta foi uma sátira referindo-se à declaração do presidente de que para preservar o meio ambiente basta defecar dia sim, dia não.(parlamentopb)

Anterior Proxima Página inicial