Tuparetama: Exercício financeiro de 2016 de Dêva Pessoa é julgado irregular pelo TCE

 A Primeira Câmara do TCE esteve reunida nesta quinta (23) e julgou a Prestação de Contas de Governo da Prefeitura Municipal de Tuparetama, relativa ao exercício financeiro de 2016, tendo como interessado o ex-prefeito Dêva Pessoa.
No julgamento, a Primeira Câmara, à unanimidade, emitiu PARECER PRÉVIO recomendando à Câmara Municipal de Tuparetama a REJEIÇÃO das referidas contas do ex-prefeito relativas ao exercício financeiro de 2016 como informa o Afogados Online.

Dêva Pessoa já afirmou sua candidatura a prefeito de Tuparetama nas eleições do ano que vem contra Sávio Torres, atual gestor. Caso a Câmara de Vereadores aprove as contas ignorando a orientação do TCE, Dêva ficará apto a disputa. Caso contrário, seu desejo de voltar ao governo de Tuparetama, pode ser adiado.

Anterior Proxima Página inicial