.

.

.

.

.

.

Vereador carnaibano Gleybson Martins critica postura do governador de extinguir delegacia

Por meio de seu perfil no Facebook, o vereador Gleybson Martins (PDT), de Carnaíba, fez duras críticas ao governador de Pernambuco Paulo Câmara pelo projeto que extinguiu a Decasp (Delegacia de Polícia de Crimes Contra a Administração e Serviços Públicos). O parlamentar disse que enquanto assistimos o Brasil “dar passos importantes e firmes contra a corrupção, o governador do nosso estado, o senhor Paulo Câmara dá péssimos exemplos, como o de extinguir uma delegacia que o está investigando, assim como a colegas de PSB, Geraldo Júlio (prefeito do Recife) e Tadeu Alencar (Deputado Federal)”, Sic.

Martins que Câmara quer levar adiante um “modelo arcaico de fazer política, cometendo crimes e tentando escondê-los debaixo do tapete como uma simples canetada” e acusou o socialista de não ter qualquer apreço pela opinião do povo pernambucano.

A postagem teve como base a reportagem da Folha de São Paulo, onde é apontado que a Delegada Patrícia Domingos da Decasp, estava investigando o governador e duas altas figuras do PSB de Pernambuco, Geraldo Júlio, prefeito de Recife, e Tadeu Alencar, deputado Federal, que integravam o Comitê Gestor de Parcerias Público-Privadas de Pernambuco na gestão do ex-governador Eduardo Campos, morto em acidente aéreo em agosto de 2014.

O superfaturamento nas obras da Arena Pernambuco pode passar dos R$ 70 milhões, dinheiro que acredita-se ter abastecido campanhas eleitorais de candidatos do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e de aliados. (Maciel Rodrigues)


Anterior Proxima Página inicial