Nem Bolsonaro nem Haddad: 60% reprova Moro

 Entre os que rejeitaram Haddad e Bolsonaro, reprovação à conduta de Moro chega a 60%.
Folha de S. Paulo - Coluna Painel
Por Daniela Lima
A maioria dos eleitores que preferiu não escolher um lado na polarizada disputa presidencial de 2018 reprova a interação do ex-juiz Sergio Moro com investigadores da Lava Jato, revela o Datafolha. 
O contingente não é desprezível. Somados, votos brancos, nulos e abstenções superam 40 milhões, cerca de 30% do total do eleitorado. 
Nesse grupo, 60% classificam a conduta do hoje ministro como inadequada e 62% dizem que eventuais irregularidades são graves e devem levar à revisão de decisões.

Anterior Proxima Página inicial