Construção desaba e deixa pelo menos 12 feridos e um morto no Bairro de Afogados em Recife

 Uma construção desabou no final da tarde desta quarta-feira (22), na Rua Doutor Leônidas Cravo Gama, em Afogados, Zona Oeste do Recife, e deixou, pelo menos, 12 pessoas feridas - incluindo três crianças - e uma mulher morta. Por volta das 23h, uma equipe do Corpo de Bombeiros buscava três possíveis vítimas, operários que trabalhavam em uma obra no local
Três cães farejadores não conseguiram encontrar sinais de sobreviventes onde os três homens poderiam estar. “Os animais seguiram para três pontos, onde a gente se concentrou depois, para reavaliar. Mesmo assim, os cães não sinalizaram vítimas. Confirmando que não há sobreviventes, as máquinas nos ajudam a retirar mais rápido os escombros”, explicou o major Anderson Barros, do Corpo de Bombeiros.
O corpo da vítima fatal, uma mulher que aparentava ter entre 35 e 40 anos e ainda não foi identificado, foi recolhido pelo Instituto de Medicina Legal (IML).
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para a ocorrência às 17h16 e chegou ao local às 17h20. Sete ambulâncias foram mobilizadas, entre elas duas UTIs móveis, além de oito motolâncias. Além da mulher morta, houve mais 12 feridos. Sete seguiram para unidades de saúde de referência, e cinco foram atendidos no local.
Seis das vítimas resgatadas foram socorridas para as Unidades de Pronto Atendimento (UPA) do Ibura e Imbiribeira, ambas localizadas na Zona Sul do Recife, e para a Policlínica de Afogados, Zona Oeste. O caso considerado mais grave pelo Samu, uma mulher de 39 anos, foi levada para o Hospital da Restauração (HR), na área central do Recife, com fraturas no joelho e costela.

Construção irregular

Com um ferro-velho no térreo, a edificação abrigava cinco apartamentos no primeiro andar, segundo moradores. A empregada doméstica Josélia Félix, 50 anos, que residia no local havia seis meses, não percebeu nenhum sinal preocupante. “A gente não desconfiava. Não tinha nenhuma rachadura, não tinha nada. Não sabíamos que isso ia acontecer. Ninguém sabe o motivo”, disse.
A Prefeitura do Recife informou, por meio de nota, que o imóvel onde aconteceu o desabamento era uma construção irregular. Segundo a prefeitura, a “Diretoria Executiva de Controle Urbano (Dircon) já notificou o imóvel por diversas vezes pela construção em local irregular”. 

Leia a íntegra da nota

A Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano, informa que o imóvel localizado na Rua Doutor Leônidas Cravo Gama, em Afogados, que desabou na tarde de hoje, é uma construção irregular e já foi notificado diversas vezes pela Diretoria Executiva de Controle Urbano (Dircon).
O SAMU 192 foi acionado às 17h16 e chegou ao local às 17h20. Foram mobilizadas sete ambulâncias, sendo duas UTIs móveis e oito motolâncias para o chamado. No local, fez o atendimento de 12 vítimas, com sete encaminhamentos para Unidades de Saúde de referência e cinco atendimentos no local. Um óbito foi confirmado.
Equipes da Secretaria Executiva de Defesa Civil (Sedec), da Guarda Municipal do Recife e da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) estão no local prestando apoio à operação.

Anterior Proxima Página inicial