Pai espanca menino de 3 anos que brincava com batom: ‘minha família não tem viado’

 Criança foi atingida nas costas; agressor foi preso em Minas Gerais
Um homem de 29 anos foi preso em Uberaba, Minas Gerais, após agredir o próprio filho, de apenas 3 anos, quando o encontrou brincando com um batom, na noite dessa segunda-feira (8). A mãe e a irmã mais velha foram ameaçadas ao denunciar o ataque, mas o agressor acabou preso por policiais militares.

De acordo com o jornal Estado de Minas, o boletim de ocorrência explica que a vítima e a irmã de 13 anos – filha de outro relacionamento – foram passar o fim de de semana na casa do agressor, que é divorciado da mãe da vítima.

Foi então que a criança começou a brincar com um batom e sujou o rosto. Quando o pai se deparou com a cena, deu chineladas nas costas da criança e disse que na sua família “não tem viado”.

A menina de 13 anos avisou à mãe que o irmão foi agredido. “Olha o que o pai dele fez”, escreveu ao enviar uma foto do menino machucado, que acabou sendo levado até o Hospital da Criança.

Ao ir buscar as crianças, a mãe disse que chamaria polícia, e foi quando acabou ameaçada. 

Preso em sua casa, o agressor reafirmou que “não gostou de ver a criança brincando com batom”, mas que não tinha intenção de machucá-la. Também alegou que tinha ingerido bebida alcoólica e se descontrolou.

Anterior Proxima Página inicial