Após seis anos, Salgueiro e Petrolina voltam a se enfrentar no Pernambucano

 Adversários neste domingo, Salgueiro e Petrolina voltam a ficar frente a frente após seis anos. A última vez que as equipes sertanejas se enfrentaram pelo Campeonato Pernambucano foi em 2013, ano em que os petrolinenses acabaram caindo para a Série A2, divisão da qual só conseguiu sair no ano passado.

O histórico entre as duas equipes na primeira divisão do Pernambucano começou no Campeonato de 2009. No dia 4 de fevereiro daquele ano, o Salgueiro venceu o Petrolina, fora de casa, por 2 a 0. Ainda naquele estadual, o Carcará voltou a vencer a Fera Sertaneja, desta vez no Cornélio de Barros, por 6 a 2.

Mandante neste domingo, o Salgueiro tem ampla vantagem contra o Petrolina na Série A do Pernambucano. Foram nove jogos, com seis vitórias salgueirenses, dois triunfos petrolinenses e um empate, justamente na última partida entre os dois clubes, no dia 16 de março de 2013.

Salgueiro e Petrolina se reencontram com objetivos diferentes. Com 13 pontos ganho e ocupando a quinta posição, o Carcará busca a vitória para, em caso de derrota de Santa Cruz ou Central, terminar a fase de classificação entre os quatro melhores, ganhado o direito de jogar as quartas de final em casa.

Para a Fera Sertaneja, que está na oitava posição, com oito pontos, um empate seria suficiente para o time se livrar do rebaixamento, independe do resultado do jogo do Flamengo de Arcoverde, nono colocado, com cinco pontos, que está na zona do rebaixamento, e de uma possível vitória rubro-negra nos tribunais, anulando a decisão do TJD-PE, que puniu o Tigre com a perda de 13 pontos por escalação irregular de jogador.

Anterior Proxima Página inicial