Jogando no Vianão, Afogados perde para o Náutico por 3X1

 O Náutico veio até o Vianão e venceu por 3 a 1 o Afogados da Ingazeira, neste domingo. De quebra, emendou a quarta vitória consecutiva no Campeonato Pernambucano e subiu para a terceira colocação. A partida serviu para o técnico Márcio Goiano testar novas opções, e a vitória aconteceu graças aos jovens atletas do elenco. Os três gols alvirubros foram marcados por garotos revelados na categoria de base do clube: Thiago, Odilávio e Hereda.
 O primeiro desafio das duas equipes eram enfrentar o sol forte no sertão pernambucano, principalmente, o elenco do Náutico. Em relação ao gramado, as boas condições possibilitavam os times trabalharem a bola através da troca de passes. A equipe alvirrubra entrou em campo com sete modificações, por opção do técnico Márcio Goiano.
Com as alterações, poderia haver alguma dificuldade de entrosamento, mas, para tranquilizar os visitantes, logo na primeira finalização, aos oito minutos, o prata da casa Thiago bateu colocado de fora da área e abriu o placar acertando o ângulo. A principal novidade do time titular era o atacante Odilávio. Aos 17 minutos, ele tentou duas vezes, antes de fazer o segundo do Náutico. O jogo era movimentado e, em cobrança de falta, aos 22 minutos, Candinho chutou no contrapé do goleiro e diminuiu para o time mandante.
 Depois de três gols e com os times obtendo praticamente 100% de aproveitamento nos chutes, a outra parte do primeiro tempo teve poucas as finalizações. Com o sol menos forte, as equipes procuravam explorar a velocidade. Entretanto, os erros nas construções das jogadas aumentaram.
Segundo tempo – Os donos da casa voltaram indo para cima. Foram duas tentativas de fora da área, como menos de dois minutos de bola rolando na segunda etapa. No decorrer da partida, já com a noite sertaneja, a qualidade no passe eram os problemas das equipes, que insistiam nos lançamentos diretos da defesa para o ataque. Às vezes, funcionavam. Uma dessas bolas, gerou uma grande oportunidade para Robinho. Só que ele demorou e finalizou em cima do goleiro.
A pressão inicial do Afogados da Ingazeira não surtiu efeito. O Timbu passou a ter espaço e era questão de tempo ampliar o marcador. A chance veio os 23 minutos, após uma troca de passes. Hereda entrou na área e bateu na saída do goleiro. Era o terceiro alvirrubro. Com dois gols de vantagem no placar, o Náutico administrou o resultado, e volta para o Recife com os três pontos conquistados.
Ficha do jogo
Afogados da Ingazeira: Wallef; Jader, Hugo, Márcio e Thalison; Douglas (Léo Cotia), Madson e Candinho, Charles (Willian) Rodrigo (Grafite) e Diego Ceará. Técnico: Pedro Manta.
Náutico: Bruno; Hereda, Camutanga (Rafael Ribeiro), Suéliton e Josa; Jimenez, Luiz Henrique e Fábio; Thiago, Robinho (Tharcysio) e Odilávio (Maylson). Técnico: Márcio Goiano.
Gols: Thiago aos 8 e Odilávio aos 17 do 1’T e Hereda aos 23 do 2’T (N); Candinho aos 22 do 1’T (A). Cartões amarelos: Odilávio (N); Douglas (A).
Público: 1.888 torcedores.

Anterior Proxima Página inicial