Envolvidos em acidente que matou Afogadense na PE 320 em Carnaíba, são do Paraná

 A Polícia Civil identificou os homens que estava no veículo que se chocou com o gol e causou uma morte e um ferido na PE 320 em Carnaíba, no último sábado. André Fernando da Silva, 29 anos, e Romildo Barbosa, da cidade de Dois Vizinhos, estado do Paraná, estavam no Chevrolet Cruze, placas OYY 4141, de Caruaru que se chocou com o gol que era conduzido por Lucélio Vasconcelos, conhecido como Célio.
A identificação foi possível porque na fuga eles deixaram celulares e documentos no local. O caso está sob a responsabilidade da Delegacia de Carnaíba, onde ocorreu o acidente. Eles ainda não se apresentaram após o incidente. Informações indicam que teria se envolvido em outro acidente, envolvendo um caminhão, com menor gravidade. Não se sabe se os ocupantes estavam sob efeito de álcool no momento do acidente, mas para a polícia a fuga é indício de culpabilidade.
O episódio aconteceu no trecho entre o bar de Antônio Chico, no Santo Antônio 3 em Afogados da Ingazeira com a entrada de Roça de Dentro, em Carnaíba. Lucélio Vasconcelos , conhecido como Célio, tem uma oficina de manutenção de ar condicionado chamada Filadélfia e fazia manutenção de equipamentos de ar condicionado na cidade. É irmão de Lelis Vasconcelos, esposa do vice-prefeito Alessandro Palmeira. Passou por cirurgia no Hospital Regional Emília Câmara e seu estado é grave.  Fez uma laparotomia para conter hemorragia abdominal e tem várias fraturas. Estabilizado, aguarda para ser encaminhado para unidade com UTI  devido à gravidade dos ferimentos.
Ele seguia com um ajudante, Fagner Silva, o Vaguinho, idade não informada, da comunidade de Curral Velho. Vaguinho não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Filho de um senhor conhecido por Fernando, é casado e tem um filho. A esposa está grávida.
As informações são de Nill Junior


Anterior Proxima Página inicial