Trotes continuam atrapalhando serviço da PM em Afogados da Ingazeira

 O 23º Batalhão da Polícia Militar, sediado na cidade d Afogados da Ingazeira vem enfrentando diariamente um grande problema no atendimento à população, no caso, os trotes.

As ligações falsas avisando sobre variados tipos de ocorrências, atrapalham e prejudicam os serviços prestados pelos militares, além de congestionarem as linhas telefônicas, impedindo que outras pessoas acionem o grupamento para um verdadeiro atendimento.

Os militares que trabalham na sala da central de operações do 23ª BPM são treinados e possuem experiência para identificar quando se trata de um trote ou não, mas às vezes, as ligações são tão reais, que viaturas são deslocadas até o local da falsa ocorrência.

Enquanto as viaturas são deslocadas para uma falsa ocorrência, pessoas que realmente estão precisando do atendimento, são prejudicadas e por conta das brincadeiras.
Quem pratica esse tipo de expediente pode ser punido pela prática de trotes: Artigo 266 do Código Penal (CP), Interromper ou perturbar o serviço telefônico de urgências é crime e o infrator poderá incorrer em pena de detenção de um a seis meses ou multa’. As informações são de Itamar França.

Anterior Proxima Página inicial