Vendedor é detido após furto de celular em Afogados da Ingazeira

 Em Afogados da Ingazeira, a GT foi acionada pela Central de Rádio de Operações do 23º batalhão para atender uma ocorrência de furto às 17h00 de ontem, terça feira 11, no qual a vítima M.I.S.S., agricultora, de 30 anos, moradora da zona rural, estava trabalhando no Bar do Peixeiro e teria deixado o  seu celular em cima da mesa para ser completado a carga da bateria, porém o imputado J.B.S.F., vendedor, de 18 anos, morador do Bairro São Sebastião, em Afogados, teria pego o referido celular e se evadido do local tomando destino ignorado.

 Chegando ao local, o policiamento constatou o fato e realizou diligência com a vítima e a testemunha em prol de encontrar o imputado, no qual, após várias incursões o mesmo foi encontrado próximo à sua residência aparentemente com sintomas de embriaguez e bastante violento, reagindo com tapas e batendo à cabeça na parede, pedindo para ser algemado  caso contrário iria se matar. 

O imputado foi indagado pelo o aparelho celular furtado, no qual alegou que teria furtado o celular por motivos fúteis. Sendo assim, o mesmo escondeu o celular embaixo da ponte do Bairro da Vila Pitombeira, sendo logo após encontrado pelo policiamento.
O  imputado por várias vezes ameaçou a vítima, como também a difamou com palavra de calão mediante a presença do policiamento. Diante dos fatos, as partes, juntamente com celular apreendido, foram apresentados à DP local para serem tomadas as medidas cabíveis. Tendo em vista que o imputado não sofreu nenhum tipo de agressão física ou moral, sendo o mesmo entregue à DP para ser autuado em flagrante delito.

Anterior Proxima Página inicial