Jovem acusado de tentativa de homicídio em Afogados se entrega a policia

 Em ação conjunta, foi dado fiel cumprimento ao Mandado de Prisão Temporária, expedido pelo Dr. Hildeberto Júnior da Rocha Silvestre, Juiz de Direito da Vara Criminal da Comarca de Afogados da Ingazeira, em desfavor do jovem Matheus Saturnino da Silva, vulgo "Matheus Pitoco", de 19 anos, morador do Bairro São Sebastião, em Afogados da Ingazeira, o qual é acusado de uma tentativa de homicídio ocorrida no dia 05/12/2018 contra a pessoa de Matheus Barbosa dos Santos, de 18 anos, morador do Bairro Sobreira, que supostamente teria furtado a motocicleta do seu parceiro "Beto Careca" o qual já se encontra preso.

Ressalva-se, porém, que o referido Mandado de Prisão foi cumprido no interior do Fórum, tendo em vista que a pessoa de Matheus Saturnino da Silva, vulgo "Matheus Pitoco" (foto acima), através de seu advogado, já tinha entrado em contato com a equipe policial demonstrando sua intenção de se apresentar ao Poder judiciário, espontaneamente, no intuito de responder pelo crime que lhe é imputado. Após ser dado voz de prisão, o imputado foi apresentado à Polícia Civil para adoção das medidas legais de praxe.
O caso ocorreu na noite do dia 05 de Dezembro, quando o policiamento foi acionado pela Central de Operações do 23ºBPM, informando que no Bairro Sobreira, em Afogados da Ingazeira-PE, havia ocorrido uma tentativa de homicídio. Chegando no endereço o efetivo foi informado por testemunhas que a vítima Mateus Barbosa dos Santos, 18 anos (foto ao lado),  já havia sido socorrido ao Hospital Emília Câmara, tendo sido atingido com um tiro na cabeça.Verificando o local do fato, o policiamento encontrou um projétil de arma de fogo no chão da residência da vítima. A genitora e a namorada da vítima informaram que estavam dentro da casa, quando dois homens, nos quais Mateus Pitoco e Beto Careca  bateram na porta. A vítima foi verificar quem eram as pessoas que estavam chamando e quando abriu a porta já foi agredido com tapa no rosto.Os acusados perguntaram a vítima onde estaria a moto que ele havia furtado e logo em seguida efetuou um disparo de arma de fogo contra a vítima.
Após a prática delituosa, os envolvidos fugiram em um veículo picape compacta tipo Strada ou Montana, tomando destino ignorado. Tal crime pode ser motivado em retaliação há um furto de uma moto, que ocorreu nesta data de quarta-feira (05), pela manhã no centro de Afogados. 

Segundo informações ao Blog do Cauê Rodrigues, a vítima teria gritado “não fui eu, foi meu irmão”.
Mateus Barbosa continua internado em um hospital do Recife em estado de saúde ainda delicado.

Anterior Proxima Página inicial