.

.

.

.

.

.

Em Princesa Isabel postos cobram gasolina com preços abusivos

 Motoristas da cidade de Princesa Isabel, no sertão da Paraíba estão pagando um preço abusivo pelo combustível em todos os postos da cidade.

Em alguns postos, o preço da gasolina comum chega ao valor de R$ 4,90 (Quatro reais e noventa centavos), bem diferente da cidade de Água Branca, também na região de Princesa Isabel onde a gasolina custa o valor de R$ 4,49, uma diferença de R$ 0,41 (Quarenta e um centavos) por litro.

Muitos motoristas preferem passar a fronteira de estados e abastecer em cidades de Pernambuco, como Flores, Serra Talhada e Quixaba que tem preços bem mais reduzidos em R$ 4,39 (Quatro reais e trinta e nove centavos), uma diferença de R$ 0,51 (Cinquenta e um centavos).

Você ja reparou que em alguns postos de gasolina, com o objetivo de atrair clientes, colocam certos preços em destaque com a indicação do combustível em letras pequenas, confundindo a clareza da informação?
Essa estratégia se deve ao crescente e constante aumento do preço da gasolina. Mas não é justificável. Segundo o Código de Defesa do Consumidor, induzir uma pessoa ao erro é considerado propaganda enganosa.

O que fazer?

O cliente deve reclamar com o gerente do estabelecimento e com as autoridades que fiscalizam esses locais.
 O ideal é comunicar o flagra à Agência Nacional do Petróleo (ANP), que é a instância que tem o dever de controlar e analisar a atuação dos postos de gasolina. 
A ANP não poderá fazer com que o posto devolva o valor, mas pode impetrar uma multa, impedindo que o estabelecimento continue com esse tipo de conduta.
Você também pode (e deve) abrir uma reclamação contra o posto que praticou propaganda enganosa. É só clicar aqui!

Anterior Proxima Página inicial