Em Princesa Isabel, ex prefeito Dominguinhos tem mais uma conta reprovada pelo TCE

 O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) reprovou na quinta-feira (13), durante reunião extraordinária, as contas de 2016 do ex-prefeito de Princesa Isabel, Dominguinhos (PSDB), além de impor ao ex-gestor tucano a devolução de R$ 366.560,25, por despesas não comprovadas de igual valor, outras sem licitações e aplicações insuficientes em ações de saúde pública, afora multa pessoal de R$ 5 mil.
O TCE recomendou ainda o envio do processo aos Ministérios Públicos Federal e Estadual, para averiguação das irregularidades na aplicação de recursos do Fundeb e de verbas na saúde.
O ex-prefeito  pode recorrer da decisão, de acordo com entendimento do relator Oscar Mamede Santiago.
De 2002 a 2016, os gestores municipais tiveram suas contas reprovadas pela Corte. O tucano Dr. Sidney teve os exercícios de 2002, 2003, 2004, 2005 e 2006 rejeitados pelo órgão, que também reprovou as contas de 2007, 2008, 2009, 2010 e 2011 do ex-prefeito Thiago Pereira (MDB). O ex-prefeito Domiguinhos completou  a sucessão de irregularidades, com suas contas de 2012, 2013, 2014, 2015 – e agora 2016, também reprovadas.
Somente em 2017, o ciclo de administradores princesenses com contas rejeitadas pelo TCE-PB foi quebrado, com aprovação unânime das contas do primeiro ano da gestão do prefeito Ricardo Pereira. (José Duarte Lima)

Anterior Proxima Página inicial