.

.

.

.

.

.

Radialista é assassinado na Paraíba

 O radialista Severino Faustino de Almeida Neto, de 43 anos, assassinado na tarde desta quarta-feira (24), na cidade de Cubati, na Paraíba, foi surpreendido na residência onde morava por dois homens que chegaram no local em uma mota. O imóvel passava por reforma. 
De acordo com informações da Polícia Civil, a vítima foi atingida por cinco disparos de arma de fogo após ser chamado por um dos suspeitos e abrir a porta da casa.     
O homem que entrou na casa teria dito que precisava acertar contas com Silvio Neto, como o radialista era conhecido na região, que ficaram pendentes em uma emissora de rádio em que ambos teriam trabalhado. 
A polícia ainda não identificou os suspeitos do crime.
G1

Anterior Proxima Página inicial