.

.

.

.

.

.

Rede notifica Lóssio e candidato terá 24h para se defender

 A Rede Sustentabilidade notificou, ontem, o candidato ao governo de Pernambuco pela legenda, Julio Lóssio, por infidelidade partidária, depois de realizar aliança não autorizada com candidatos de outra coligação que representam, segundo o partido, o que há de mais reacionário no Brasil. Lóssio terá 24 horas para apresentar sua defesa à Executiva Nacional da legenda. O candidato poderá ser expulso da Rede e ter o seu registro de candidatura cancelado na Justiça Eleitoral.
As manifestações de Lóssio foram amplamente publicizadas na mídia nacional e pernambucana, redes sociais, materiais de campanha e eventos políticos, nos últimos dias.
Esse tipo de infração está previsto no Estatuto da Rede, que, em suas normatizações, considera ato de infidelidade partidária o candidato que fizer campanha eleitoral para candidatos ou partidos políticos que contrariem as deliberações da Convenção Eleitoral e os interesses partidários da Rede.
Em agosto deste ano, a legenda realizou sua primeira Convenção Nacional Eleitoral e oficializou, por aclamação, a candidatura de Marina Silva à Presidência da República.

Anterior Proxima Página inicial