.

.

.

.

.

.

.

.

Deputados americanos lançam carta de apoio a Lula

O PT vem intensificando sua mobilização internacional em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que será julgado na quarta-feira pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre. Um grupo de deputados americanos do partido Democrata divulgou uma carta denunciando as "violações flagrantes" do direito do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a um processo justo e a "campanha de perseguição judicial de motivação política", segundo apurou a Folha.
Paralelamente, o abaixo-assinado "Eleição sem Lula é fraude", organizado pelo ex-ministro Celso Amorim, conquistou quase 200 mil assinaturas, entre elas a do ativista Daniel Ellsberg, dos cineastas Constantin Costa-Gavras e Oliver Stone, ex-ministro grego Yanis Varoufakis e o linguista Noam Chomsky. Ellsberg foi o responsável pelo vazamento dos documentos conhecidos como "Papeis do Pentágono", em 1971, que revelaram como o governo americano estava ocultando o fracasso na guerra do Vietnã. É tema do filme "The Post", concorrente ao Oscar.
"O objetivo é mostrar que o mundo está de olho, vendo as injustiças que estão sendo cometidas no Brasil", diz Amorim, cotado para ser o candidato do PT ao governo do Rio. Também assinaram o manifesto os ex-presidentes Pepe Mujica (Uruguai), Cristina Kirchner (Argentina), Ernesto Samper (Colômbia) e o ex-primeiro ministro italiano Massimo D'Alema. 

Comentários

Obrigado!
Sua mensagem será avaliada.

Anterior Proxima Página inicial