.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

ARTIGO:''O BRAVO ESPÍRITO DEMOCRÁTICO REINA DA VAIA AO APLAUSO.''(POR NENEN PATRIOTA)

Artigo (em prosa e poesia): O Bravo Espírito Democrático Reina da Vaia ao Aplauso!!!
Desde o surgimento da democracia grega, depois alcançando a Europa Ocidental e o Novo Mundo (América), as vaias e os aplausos representaram os sentimentos dos povos em situações distintas. A vaia traduzindo indignação, revolta e reprovação; o aplauso externando admiração, afeto e aprovação.
Há pessoas que alegam ser a vaia deselegante, mas não veem se quem a recebeu a fez por merecer. Saliente-se que vaias e aplausos não são exemplos de “acordes” harmoniosos e elegantes. Imagine um político prometer aumentar em 100% o valor de uma classe profissional no período de 04 anos. Após 03 anos, os salários subiram 15%, por exemplo. Que se conteste o ato demagógico.
Imagine um outro político prometer que, se eleito prefeito, vai respeitar o funcionalismo. Ao ser eleito, passa a tratar mal os servidores. É natural a vaia em sinal de desaprovação.
Vaias e aplausos são irmãos expelindo seus sentimentos. Ambos são emocionais, contraditoriamente, impulsionados pela chama da razão.
Quem não estiver pronto para receber aplausos e vaias não participe da vida pública. São formas consagradas no livre exercício do Reino Democrático.
Quem vaia mostra o sentido
Da forte insatisfação
É a manifestação
De quem se sente traído
Ou que foi subtraído
Em seu direito sagrado;
Já o aplauso é gerado
Por quem está satisfeito
Aos dois gestos respeito:
Ser aplaudido ou vaiado!

(por Nenen Patriota)

Comentários

Obrigado!
Sua mensagem será avaliada.

Anterior Proxima Página inicial