• title
  • Title
  • Title

.

.

Idosos de programa de Assistência Social de Quixaba visitam Horto do Padre Cícero em Juazeiro do Norte-CE

 A Secretaria de Assistência Social do Municipio de Quixaba, no interior de Pernambuco, que tem como responsável pela pasta a Primeira Dama Andrezza Silva Cabral Nunes, promoveu uma viagem peregrina com o grupo de idosos vinculados ao Serviço de Convivência  e Fortalecimento de Vínculos para pessoas idosas à cidade de Juazeiro do Norte, no interior do estado do Ceará, para visita ao horto de milagroso Padre Cícero Romão Batista.

Segundo informações da Secretaria para o Blog do Cauê Rodrigues, participaram cerca de quarenta idosos, muitos tiveram a oportunidade da primeira viagem ao lugar santo e tiveram a companhia da Primeira Dama e Secretária de Assistência Social, Andrezza Cabral.
 Para eles,  foi um dia magnifico com o passeio que recebeu o apoio do prefeito Tião de Gaudêncio (PR), já que é um passeio realizado dos os anos, gratificando centenas de Quixabenses devotas de Padre Cicero.

O grupo visitou diversos locais frequentados pelo santo padre e assistiram a santa missa na igreja de Nossa Senhora do Carmo.
 Cícero Romão Batista (Crato, 24 de março de 1844  Juazeiro do Norte, 20 de julho de 1934) foi um sacerdote católico brasileiro. Na devoção popular, é conhecido como Padre Cícero ou Padim Ciço. Carismático, obteve grande prestígio e influência sobre a vida social, política e religiosa do Ceará bem como do Nordeste.
Em março de 2001, foi escolhido "O Cearense do Século" em votação promovida pela TV Verdes Mares em parceria com a Rede Globo de televisão.
Em julho de 2012, foi eleito um dos "100 maiores brasileiros de todos os tempos" em concurso realizado pelo SBT com a BBC
Proprietário de terras, de gado e de diversos imóveis, Cícero fazia parte da sociedade e política conservadora do sertão do Cariri. Sempre teve o médico Floro Bartolomeu como o seu braço direito, e integrava o sistema político cearense que ficou sob o controle da família Accioli durante mais de 2 décadas.
Nascido no interior do Ceará, por parte paterna possuía predominante ascendência portuguesa. 
Seu pai, Joaquim Romão Batista, era filho de Romão José Batista e Angélica Romana Batista. Seus avós paternos foram Francisca Pereira de Oliveira e o português Antonio José Batista e Melo, além de ser bisneto por parte de Francisca do português José Pereira Lima Aço. Sua mãe foi Joaquina Ferreira Gastão, que depois mudou seu nome para Joaquina Vicência Romana, sendo conhecida como dona Quinô. Era filha do baiano José Ferreira Gastão e neta de Manoel Ferreira Gastão e Antônia Maria de Sousa, ambos baianos que emigraram para o Crato. Ainda aos 6 anos, começou a estudar com o professor Rufino de Alcântara Montezuma.
Um fato importante marcou a sua infância: o voto de castidade feito aos 12 anos, influenciado pela leitura da vida de São Francisco de Sales.

Comentários

Obrigado!
Sua mensagem será avaliada.

Anterior Proxima Página inicial