• title
  • Title
  • Title

.

.

Pernambuco é autorizado a exportar frutas cítricas para todo o país e exterior

Os agricultores de Pernambuco estão autorizados a comercializar laranjas, limões e tangerinas para todo o país e exterior. A liberação veio após Pernambuco receber o título de área com praga ausente para o cancro cítrico. Desde março deste ano a venda estava suspensa. No início deste ano, o Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) passou a combater a praga com mais rigor.
Com a liberação, o presidente da Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco (Faepe), Pio Guerra, espera o aumento da produção de frutas cítricas a partir de 2018. Ao receber o status de área livre da doença, Pernambuco terá mais facilidade de acessar o mercado externo, tendo em vista que o cancro cítrico é uma das principais barreiras fitossanitárias para as frutas cítricas do país.
Pernambuco ainda tem uma produção baixa em relação aos outros estados produtores. Segundo dados do IBGE, o Estado produziu em 2015 um total de 3.041 toneladas de laranja e 1.617 toneladas de limão. A liberação aumenta as possibilidades de produção na Zona da Mata e Vale do São Francisco.
“O título de área com praga ausente para o cancro cítrico é um grande avanço, que garante ao produtor, já estabelecido em Pernambuco, potencializar a produção, e ainda traz vantagens competitivas sobre os outros estados”, destaca Pio Guerra.  

Comentários

Obrigado!
Sua mensagem será avaliada.

Anterior Proxima Página inicial

Quem é a Carnaibana de 2017?

Quem é o Carnaibano de 2017?