• title
  • Title
  • Title

.

.

Festival consagra garoto de 15 anos campeão em Serra Talhada

A grande final do Festival de Calouros Cantando na Concha deixou a praça Sérgio Magalhães lotada para ver Salomão Silva, de 15 anos, consagrado campeão do concurso, neste domingo (3), no polo Cultura Viva da 227° Festa de Setembro de Serra Talhada.
Zé Leite, Ana Cristina, Leya Emanuelly, Juscelino Melo e Chicão foram os responsáveis por votar nos calouros e eleger também Wilton Bello em terceiro lugar e Géssica Alves em segundo.
Kakázinho Barros iniciou a noite com uma música de Dudu Gonçalves, Amor de Momento. Bem que se quis, de Marisa Monte, foi interpretada por Hélio Mateus, que pelo segundo ano participa do festival e contou com o apoio de sua torcida.
Salomão Silva, levantou a plateia (que já previa o prêmio, aos gritos de já ganhou) com uma bela canção de Beyoncé, ‘Pretty Hurts’. Em seguida, Ítalo Patrick louvou a Deus com a música ‘Mesmo sem Entender’.
Dall Ribeiro surpreendeu com uma versão da música, ‘Aleluia’. Wilton Bello, terceiro colocado no festival em 2016, emocionou o público com ‘Abandonado por você’.
A sétima participante, Géssica Alves, também louvou o senhor com a canção ‘Quando eu chorar’. Carol Figueiredo performou com elegância a música ‘Unbreak My Heart’ da cantora Tony Braxton.
Bino Silva interpretou La Aurora, do italiano Eros Ramazotti. Lânio e Luciano representaram o movimento sertanejo cantando Nova York, da dupla Christian e Halph. Gabriel Lacerda inovou o repertório e se emocionou com a música Raridade, de Anderson Freire. O calouro Felipe se apresentou com a música Acorrentado em Você.

Pela segunda vez Renan Alves subiu ao palco do concurso representando Cuida de Mim, de Amado Batista. Hanna Campos foi consagrada como prêmio revelação e se apresentou na final com a música Dia de Domingo. Como prêmio, a intérprete gravará um disco para divulgar seu trabalho.
Após o anúncio dos vencedores Fabíola Leite, campeã do ano passado se apresentou com a música Como Nossos Pais. E Salomão voltou ao palco ao lado do seu irmão Saulo Silva relembrando o forró das antigas. (Farol/Fotos: Manu Silva e Arquivo Pessoal)

Comentários

Obrigado!
Sua mensagem será avaliada.

Anterior Proxima Página inicial