• title
  • Title
  • Title

.

.

Estudantes denunciam empresa de formatura por golpe em Serra Talhada. Carnaibano na lista das vítimas.

Para uma turma de estudantes em Serra Talhada, o sonho de um encerrar o curso de Ensino Superior com uma grande festa se tornou um pesadelo. Cerca de 28 estudantes do 10º período vespertino do curso de Direito da Faculdade de Integração do Sertão (FIS) abriram um processo de queixa crime junto ao advogado e secretário municipal de Administração, Renato Godoy, na tarde desta quarta-feira (6) contra a empresa Eniés Eventos. Entre as vítimas está o carnaibano Elzir Ferreira, estudante de Direito da FIS, em Serra Talhada.
Sediada na cidade do Crato-CE e de propriedade de uma serra-talhadense, Ednaina de Sousa Santos Melo e seu marido Marcus Allan Melo, foi contratada para organizar todas as etapas da formatura dos futuros graduados, desde as fotos da placa, culto ecumênico, colação de grau, aula da saudade e baile, com direito a duas bandas e DJ.

A formanda e integrante da comissão de formatura, Ana Carolina Oliveira, explicou que a Eniés Eventos vendeu um pacote promocional aos estudantes e cada um pagou cerca de R$ 3,5 mil divididos em 28 parcelas. Os eventos deveriam acontecer em março de 2018, e a última parcela foi quitada em agosto.
“Fechamos com a empresa em 2015 e de lá para cá todos os compromissos que estavam previstos no contrato a empresa cumpriu. Inclusive, as fotos de formatura tem um mês que tiramos. A empresa veio com toda a equipe e passou um fim de semana aqui. É uma empresa renomada no Ceará, nos fez crer que o nosso baile ia acontecer. Hoje os funcionários da empresa chegaram para trabalhar e foram surpreendidos com a sede fechada”, explicou.
Fonte: Farol de Noticias com fotos de Max Rodrigues.

Comentários

Obrigado!
Sua mensagem será avaliada.

Anterior Proxima Página inicial