• title
  • Title
  • Title

.

.

Influenza: todos os grupos prioritários já podem se vacinar

A partir desta segunda-feira (24.04), todos os grupos contemplados na campanha de vacinação contra a influenza já podem procurar os postos de saúde para serem imunizados. O objetivo é vacinar, no mínimo, 90% dos mais de 2,3 milhões de pernambucanos. O Dia D está marcado para 13.05 e o fim da campanha será em 26.05.

A vacina protege contra três tipos de influenza – A(H3N2) Sazonal, A(H1N1) e B – e tem um ano de validade, ou seja, quem tomou no ano passado e continua dentro dos grupos prioritários também deve ser imunizado. “É importante que a população tome a vacina o quanto antes, já que estamos chegando ao nosso período de inverno. Assim, podemos evitar adoecimentos, gastos com medicamentos, infecções secundárias por causa da influenza e, principalmente, internações hospitalares e até mesmo o óbito provocado pela gripe”, afirma a coordenadora do Programa Estadual de Imunização da Secretaria Estadual de Saúde (SES), Ana Catarina de Melo.

Poderão se vacinar contra a influenza: idosos, crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, professores dos ensinos básico e superior de escolas públicas e privadas e profissionais de saúde. A vacinação é feita em uma dose, exceto para menores de 9 anos, que devem tomar uma segunda 30 dias após a primeira.

Em doenças agudas febris moderadas ou graves, recomenda-se adiar a vacinação até a resolução do quadro. As pessoas com história de alergia a ovo, que apresentem apenas urticária após a exposição, podem receber a vacina da influenza mediante adoção de medidas de segurança. A vacina é contraindicada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores bem como a qualquer componente da vacina ou alergia comprovada grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados.


Comentários

Obrigado!
Sua mensagem será avaliada.

Anterior Proxima Página inicial