• title
  • Title
  • Title

.

.

Pratos à base de plantas não convencionais estão entre as atrações do Festival Gastronômico UmbuPancs

Você já provou “Ganache sertanejo com Crocante de Ouricuri e Cumaru”? E que tal uma linguiça de Maracaju com plantas comestíveis não-convencionais? Se você nunca saboreou esses pratos, mas ficou curioso para experimentá-los e até aprender a fazer, as aulas shows que acontecem nos dias 3 e 4 de abril serão sua oportunidade durante o 1º Festival Gastronômico UmbuPancs, em Petrolina, PE. Além dos dois cardápios citados, muitos outros pratos nada convencionais, devem ser apresentados e ensinados no evento que será aberto dia 1 de abril na Praça da 21 de Setembro, no Centro da cidade.
As aulas serão das 14h às 18h, no auditório do Senac Petrolina. Os pratos individuais, entre entradas, sobremesas e as porções principais, foram selecionados pelos chefs de cozinha reconhecidos nacionalmente: Paulo Machado, Moacir Sobral, Juce Melo, Geórgia Romero, Robson Trindade, Clodomiro Tavares e João Barreto (o Cumpade). Ao participar desta programação, o consumidor verá como cada chef prepara suas especialidades.
Segundo a coordenação, o UmbuPancs promete variedade nos sabores. Queijo de cabra, derivados de caprino, peixes do Rio S. Francisco e Plantas Alimentícias Não-Convencionais (Pancs), tipo coroa de frade, mandacaru e palma fazem parte do cardápio. A Gourmet, Geórgia Romero, uma das realizadoras do festival, disse que muitas pessoas vão se surpreender com as iguarias. “São pratos típicos extremamente saborosos, vindo de produtos que muitos nem sabiam ser possíveis”, ressalta.
Ainda nessa lista de pratos que farão parte das aulas-show destacam-se: “Leite ferrado e Bobode”, “Surubim defumado”, “Matulinha de Palma” e “Tarte de algaroba e coco ao perfume de umburana”. Todas estarão disponíveis para consumo no festival que  começa dia  2, na Praça 21 de Setembro, com uma feira para mostra da cultura regional, incluindo artesanato e apresentações artísticas.
A programação inclui ainda seminário gastronômico com os temas “Valorização da comida brasileira” e “A cozinha nordestina revisitada”, apresentados pelos  chefs de cozinha Paulo Machado e Moacir Sobral, e um Jantar Magno no Restaurante Flor de Mandacaru, onde serão servidas iguarias com produtos do Bioma Caatinga.

Comentários

Obrigado!
Sua mensagem será avaliada.

Anterior Proxima Página inicial