.

.

.

.

.

.

.

.

Em Afogados greve não afeta abastecimento de mercadorias mas clientes não vão à feira livre

 A greve dos caminhoneiros que dura seis dias, não afetou o abastecimento de produtos na feira livre de Afogados da Ingazeira, no interior de Pernambuco.
Nas bancas, mercado público e mercados foi fácil encontrar todos os produtos como cereais, frutas, calçados, roupas e carnes.

O que chamou a atenção foi a falta dos clientes, que apesar de ter produtos novos  e frescos nas bancas, não compareceram como de costume na feira livre da cidade que acontece aos sábados.
Confira as fotos feitas por Welisson Santos para o Blog do Cauê Rodrigues.


Temer foi avisado mas ignorou alertas

Geralda Doca - O Globo
O Palácio do Planalto foi avisado em pelo menos quatro ocasiões pelos líderes dos caminhoneiros sobre a possibilidade de paralisação da categoria. Nos ofícios endereçados ao ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, e ao próprio presidente Michel Temer, os dirigentes da entidades representativas da classe pediram para serem recebidos a fim de discutir uma solução para o aumento diário do diesel e a carga tributária incidente sobre o combustível. Eles relatam que não conseguiram resposta.
O primeiro comunicado foi feito pela Associação Nacional dos Caminhoneiros (Abcam) no dia 05 de outubro de 2017, endereçado ao ministro Padilha. Nele, a entidade fala destaca que o transporte rodoviário é fundamental para o país e reclama da alta dos custos, decorrentes da elevação das alíquotas do PIS/COFINS sobre o diesel
No dia 14 de maio de 2018, a entidade fez uma nova tentativa. Desta vez, endereçada a Temer. O ofício repete os argumentos do primeiro e afirma: "Pela segunda vez nos reportamos a esse governo para buscar uma saída para o problema do preço do diesel (...) Esperamos que desta vez, o o governo leve mais a sério o que estamos reivindicando", diz a carta, que completa: "Imagine o Brasil ficar sem transporte por uma semana? Seria terrível para todos nós.
No dia 16 de maio foi a vez da Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA), que enviou ofício a Temer. A entidade diz "o estado de fragilidade financeira que se encontra o setor é altamente inflamável como palha seca",
Na última segunda-feira, dia 21 de maio, a União Nacional dos Caminhoneiros (Unicam) encaminhou ofício ao presidente Temer já citando como referência a paralisação do setor de transporte de carga. A carta repete as reivindicações do setor Os dirigentes da Abcam afirmam que aguardaram uma resposta do Planalto até a última sexta-feira. 

Supremo avaliza uso da força para desbloquear vias

Josias de Souza
O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, concedeu liminar que autoriza a União e os governos estaduais a utilizar a força policial para liberar rodovias bloqueadas por caminhoneiros, incluindo os acostamentos. Em seu despacho, Moraes menciona as corporações que estão autorizadas a agir: Polícia Rodoviária Federal, Polícias Militares e Força Nacional de Segurança.
Deve-se a decisão do ministro a um pedido da Advocacia-Geral da União. Ex-ministro da Justiça de Temer, Moraes foi escolhido como relator da ação do governo por sorteio. Além de avalizar o emprego da força policial, o magistrado determinou a suspensão dos efeitos “das decisões judiciais que impedem a imediata reintegração de posse das rodovias federais e estaduais ocupadas em todo o território nacional.”
Mais: Moraes autorizou a imposição de multas aos responsáveis pelos bloqueios, estabelecendo a “responsabilidade solidária entre os manifestantes/condutores dos veículos e seu proprietários, sejam pessoas físicas ou jurídicas.” Entidades que desrespeitarem a determinação ficarão sujeitas a multas de R$ 100 mil por hora. Para os caminhoneiros, a multa é de R$ 10 mil por dia. Vai abaixo a íntegra da decisão do ministro, tomada na noite desta sexta-feira:

Governadores exigiram ação enérgica de Temer

Pare enquanto é tempo -  Nas últimas 48 horas, ao menos três governadores entraram em contato com o Planalto manifestando preocupação com a guinada no discurso dos caminhoneiros e seus apoiadores nas redes sociais, que passaram a falar contra a corrupção e o governo emedebista.
Eles cobraram uma posição enérgica para prevenir um levante nas ruas. Luiz Fernando Pezão, do Rio, chegou a enviar vídeos de convocatórias em defesa de uma intervenção militar a ministros da confiança de Michel Temer.
Os governadores temiam principalmente que o agravamento do desabastecimento em seus estados provocasse uma reedição dos protestos que, em 2013, derrubaram a popularidade não só do governo federal, mas dos políticos de maneira geral.

Associação Somasso realiza 5ª Pega de Bode no Povoado de Moderna, em Sertânia

Distante cerca de 50 quilômetros da zona urbana de Sertânia, o povoado de Moderna sedia neste sábado, 26, a 5ª edição da Pega de Bode com vaqueiros de todo o Sertão do Moxotó. O evento tem início nesta manhã com sorteio dos vaqueiros e segue à tarde com a soltura dos bodes para os participantes capturá-los. Haverá premiação do 1° ao 8° colocado.
Os ingressos custam R$ 10,00, mas mulher não paga. Vaqueiros desembolsam taxa de inscrição no valor de R$ 40,00. Na programação também estão apresentações musicais de artistas da região.
Nas quatro edições anteriores o evento atraiu muita gente, principalmente pela singularidade de ver vaqueiros correndo a pé atrás de bodes.

Senado abre espaço para eleição indireta se Temer vier ser afastado

Em meio à crise do governo Temer, a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado aprovou regulamentação da eleição indireta para presidente da República em caso de vacância ocorra nos dois últimos anos do mandato; o projeto, do senador Ronaldo Caiado (DEM), cabe como uma luva à articulação que pretende levar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, também do DEM, à Presidência da República por eleição indireta.

Apesar da greve de caminhoneiros, feira livre de Carnaiba acontece normalmente


Fotos: Doryedson Roque
Apesar da greve dos caminhoneiros que afeta todo o Brasil pelo sexto dia consecutivo, a feira livre da cidade de Carnaíba, a 430 Km do Recife, acontece normalmente neste sábado 26.

Carros de feirantes e caminhões com cargas vindos de outras cidades como Triunfo, circulam normalmente pelas ruas paralelas à Otacílio Gomes, onde acontece a feira livre.
Nenhum dos quatro postos de gasolina na cidade tem combustível. Na noite de ontem, sexta feira, moradores aderiram a paralisação dos caminhoneiros quando atearam fogos em pneus parando o trafego de veículos na Rodovia Estadual PE 320 na saída para a cidade de Flores.

Na feira não faltou á venda de legumes, frutas, verduras, cereais, roupas, carnes, peixes e importados.

Carros com passageiros da zona rural como Caiçara, Lagoa do Caroá, Serra, Branca, Varginha, Matinha, Mata Verde, Riacho do Peixe e Lagoa dos Campos circulam com viagens normais entre zona rural e cidade.

Moradores fecham a PE 292 em Afogados da Ingazeira contra aumento abusivo do combustivel

Um grupo de aproximadamente 20 moradores de Afogados da Ingazeira, também se engajaram na manifestação contra o aumento nos combustíveis que acontecem em todo o país.

Por volta das 18h00 desta sexta feira 25, começaram a se concentrar em frente à um posto abandonado na Rodovia PE 292, que dá acesso às saídas de Iguaracy e Ingazeira, nas proximidades entre o Motel Afroeros e Clube dos 100, onde  chegaram a queimar pneus para chamar atenção de quem passa pela rodovia. E aos poucos a concentração foi aumentando.

Uma viatura da Policia Militar estava no local, acompanhando de perto a manifestação pacifica do grupo.
– Essa manifestação é simplesmente a indignação sobre a suba incessante do combustível . Não aguentamos mais, já não estamos mais conseguindo pagar as contas.Vamos quebrar trabalhando para pagar impostos. Sustentar um governo corrupto, disse um dos participantes do grupo.

Só neste mês de maio os combustíveis subiram 12 vezes no Brasil. O óleo diesel chegou a 3.95 e gasolina a 5 reais.

Caminhoneiros de todo o país trancaram as principais rodovias do Brasil em protestos que iniciaram no dia 21. Eles pretendem continuar nas estradas,  até que o governo tome uma atitude em relação ao caso.

No Vale do Pajeú, além de Afogados da Ingazeira, houveram protestos de manifestantes também nas cidades de Tabira, Carnaiba, Flores e Serra Talhada.


Brasília: Governo não vai mudar preço da gasolina

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse que o governo não pretende mexer no preço da gasolina. “Não há ainda demanda no governo sobre gasolina. Estamos discutindo apenas o diesel”.

Paulo Câmara decreta Situação de Emergência

Com o objetivo de garantir a manutenção dos serviços públicos essenciais prestados à população de Pernambuco, em meio à crise gerada pela mobilização dos caminhoneiros, o governador Paulo Câmara decretou, hoje, Situação de Emergência no Estado. A ação busca assegurar agilidade à administração pública estadual e aos municípios para o restabelecimento da normalidade, viabilizando, entre outras questões, a distribuição de combustíveis, alimentos e insumos a entidades públicas e a segmentos da sociedade civil. O Decreto n. 46.061 será publicado no Diário Oficial do Estado deste sábado (26.05).  Durante coletiva de Imprensa, realizada no Centro Integrado de Comando e Controle Regional de Pernambuco (CICCR), Paulo criticou a posição do Governo Federal de colocar os lucros da Petrobras à frente dos interesses da população.
"Tudo o que estiver dificultando o cumprimento das decisões judiciais, o abastecimento dos postos de gasolina, o abastecimento do ir e vir de mercadoria, será facilitado com ações que constam nesse decreto”, afirmou o governador Paulo Câmara, reforçando que os serviços estão sendo garantidos ao povo pernambucano. "Não vamos permitir que haja qualquer tipo de bloqueio para o abastecimento das cidades e da população. Então, esse trabalho vai ser intensificado, e eu tenho determinação, junto com todo o Governo, para garantir a normalidade dessa situação em toda a população", pontuou. 
Com relação à tentativa do Governo Federal de dividir com os Estados a responsabilidade pelo atual momento, Paulo Câmara foi enfático, defendendo a prestação de serviços públicos à população. "Não se pode resolver essas questões da forma que o Governo Federal quer resolver. Pernambuco sempre cuidou disso com muita responsabilidade, com muito planejamento, tanto é que o transporte público de passageiros tem o ICMS zero em relação ao combustível e ao diesel. E também é isento do ICMS para o frete interestadual. Não vamos, de maneira nenhuma, num momento crise que nós estamos passando, abrir mão de receita de Saúde, de Educação e de Segurança para garantir lucro da Petrobras. Pernambuco não iniciou esse movimento de alta de combustível. Foi a Petrobras que, sem diálogo, fez isso também no gás de cozinha", asseverou. 
Paulo explicou que a postura do Governo Federal coloca em xeque a prestação dos serviços nos Estados. "Nós não concordamos com essa política de preços da gasolina da Petrobras. Pernambuco não vai abrir mão de receitas, que hoje garantem a melhor Educação Pública do Brasil, que garante os hospitais funcionando, garante a polícia trabalhando e reduzindo o número de homicídios, para manter os lucros da Petrobras", frisou. 
O procurador-geral do Estado, César Caúla, detalhou que o decreto autoriza a realização de requisição administrativa para eventuais falta de materiais. “O Estado pode fazer a requisição ao particular e, depois, indenizá-lo. Também autoriza a prestação de serviço de segurança para a viabilização dos transportes das mercadorias, apoio aos municípios, realização de plantões e situações de acréscimo de carga de trabalho na Polícia Militar”, explicou.

PE 320 em Carnaíba é interditada por adesão à paralisação de caminhoneiros


Caminhoneiros, mototaxistas, motoristas e populares que apoiam a paralisação dos caminhoneiros pela luta  de redução dos valores de combustivel no Brasil, fecharam por volta das 19h00 desta sexta feira 25,  o trecho da Rodovia Estadual PE 320, na cidade de Carnaiba, no sertão de Pernambuco.

O ato de protesto acontece nas proximidades do Posto Nossa Senhora Aparecida, na saída para as cidades de Flores e Serra Talhada. 
Os moradores aderem ao protesto que começou com os caminhoneiros em todo o Brasil. Ao longo dessa semana, moradores sentem as consequências da ausência de resposta à paralisação e decidiram fechar a Rodovia, assim como fez as cidades vizinhas de Serra Talhada, Afogados da Ingazeira, Flores e Princesa Isabel. 

 Nas redes sociais, muitos comentários são de apoio aos caminhoneiros e aos moradores que decidiram fechar a PE 320 na terra de Zé Dantas. As duas vias da rodovia foram interditadas  pelos moradores que atearam fogo em pneus e pedaços de madeiras.
 “Não somos caminhoneiros, somos pais de famílias. Precisamos protestar pela Carnaíba melhor, um país justo, pela nossa família, nossos filhos, pra nós. Cidadão vem pra rua e protesta também”, esclarece um dos líderes do movimento.


De caminho à Afogados da Ingazeira, Humorista Zé Lezin apoia paralisação de caminhoneiros

De caminho à cidade de Afogados da Ingazeira, no sertão de Pernambuco, onde faz show nesta sexta feira 25, o humorista paraibano Zé Lezin, foi parado em uma das rodovias entre os dois estados durante a paralisação de caminhoneiros que protestam em todo o Brasil pela redução dos valores do combustível.

Zé Lezin, falou da importância dos caminhoneiros na vida dos Brasileiros e destacou a coragem de todos que estão representando toda a nação com o protesto que já dura cinco dias seguidos. Confira o vídeo.



Em Serra Talhada, água de Serrinha começa ser liberada para consumo humano

A Secretaria Municipal de Saúde de Serra Talhada, por meio do Núcleo de Vigilância em Saúde, informa à população que a água da Barragem de Serrinha, manancial situado na zona rural do município, se encontra apta para consumo humano e manuseio, segundo Relatório de Ensaios do Laboratório Central de Saúde Pública - LACEN/PE.
Análises toxicológicas e microscópicas realizadas periodicamente pelo serviço de monitoramento de qualidade do manancial junto ao LACEN/PE mostram que o reservatório está dentro dos padrões recomendados pelo Ministério da Saúde, apresentando resultados satisfatórios para toxinas como cilindrospermopsina, microcistina e saxitoxinas.  

Em 20015, a Barragem de Serrinha foi interditada para o consumo humano em virtude da alta concentração de toxinas e microrganismos atestada pelo LACEN/PE devido o baixo volume de água acumulada à época. Atualmente, o manancial encontra-se com 74 milhões de metros cúbicos de água, o que representa 23,79% de sua capacidade total de 311 milhões.

Prefeitura de Flores reforça trabalho de política ambiental

A questão ambiental se tornou uma das prioridades da gestão municipal de Flores. O Governo segue debatendo e projetando políticas estruturais para uma cidade e uma população mais consciente de sua casa comum: O meio ambiente.

Dando exemplo para outras prefeituras da região do Vale do Pajeú, a Prefeitura Municipal de Flores juntamente com todo o corpo governante do município, participou nesta última quarta-feira (23), da Oficina Regional do Sertão do Pajeú, que tratou de assuntos relacionados ao quesito ambientais.

O objetivo do Governo Florense está atrelado ao próprio nome do projeto: “Construindo a Política de Educação Ambiental de Pernambuco”. O passo agora, é começar a construir com sustentabilidade e consciência pública uma Flores cada vez mais verde e com mais qualidade de vida para a população.

Prefeitura de Flores realiza audiência pública para prestação de contas do 1º quadrimestre

Buscando fortalecer o compromisso com a transparência da administração municipal, a Prefeitura de Flores realiza na próxima terça-feira, dia 29 de maio, a Audiência Pública de Prestação de Contas do Município do primeiro quadrimestre de 2018.
O evento será realizado a partir das 9h, no auditório da Secretaria de Educação do Município e a gestão municipal convida todos os moradores e moradoras da cidade a participar do evento.
O prefeito do município, Marconi Santana, reforça que, “a audiência pública é para demonstrar e avaliar o cumprimento das Metas Fiscais (prefeitura) e apresentar as ações e serviços da Saúde, referente ao 1º quadrimestre de 2018 (janeiro a abril)”.

Nota de Esclarecimentos sobre o Concurso Público da Prefeitura de Serra Talhada


A Prefeitura de Serra Talhada, por meio da Secretaria de Administração, informa que as inscrições para o concurso público municipal não foram iniciadas nesta sexta-feira (25), como estavam previstas no edital Nº 01/2018, porque a empresa organizadora do certame, ADM&TEC, ainda está aguardando a finalização das configurações referentes ao boleto bancário por parte da Caixa Econômica Federal. De acordo com comunicado da ADM&TEC, as inscrições devem ter início num prazo de 04 dias úteis. Confira a nota da empresa:

Caro candidato,

Nossa equipe técnica está aguardando a conclusão de todas as configurações referentes ao boleto bancário por parte da Caixa Econômica Federal.
Assim que o referido banco concluir as configurações, vamos proceder com o início do período de inscrições.
Esperamos iniciar o período de inscrições dentro de 4 dias úteis.

Atenciosamente,
Equipe ADM&TEC.

Em Flores, moradores fecham a Rodovia 320 em prol da paralisação dos caminhoneiros

Moradores da cidade de Flores, na Região do Pajeú, em Pernambuco, queimaram pneus em protesto em apoio aos caminhoneiros nesta  sexta-feira na Rodovia Estadual PE 320 , no acesso da saída para Princesa Isabel, Calumbi e Serra Talhada.  O tráfego até o fechamento desta matéria às 15h50 continuava interditado. 
O vereador Amaury Torres,  do município de Iguaracy, passava pelo local no momento em que os moradores iniciaram o protesto e assim, enviou fotos do ato ao Blog do Cauê Rodrigues.

De acordo com informações, as duas pistas da PE 320 foram interditadas pelos moradores que não quiseram ser identificados, afirmaram que o protesto é em apoio aos caminhoneiros. 
Cerca de 100 manifestantes estavam no local e ensaiavam o grito culpando o presidente  Temer.  Aparentemente, não há líder no protesto. E a liberação dos carros era negociada com moradores um a um, mas ninguém passava, exceto ambulâncias. 


Vereadores de Carnaiba aprovam Moção de Aplauso à todos os Caminhoneiros do Brasil

De autoria do Presidente da Câmara, Neudo da Itã e dos vereadores Vanderbio Quixabeira, Irmão Adilson, Gleybson Martins, Preguinho e Anchieta Crente, a Câmara de Vereadores de Carnaíba, no sertão do estado de Pernambuco, aprovou na Sessão Ordinária desta sexta feira 25, uma Moção de Aplauso aos Caminhoneiros de todo Brasil pela mobilização e luta pela redução dos preços dos combustível, que já perdura há cinco dias seguidos em todo o território nacional.

A Moção tem o objetivo de reconhecer a importância dos caminhoneiros para o desenvolvimento do Brasil, e a relevante  luta travada pela redução dos preços dos combustíveis diante da elevada carga tributária nacional, que tem exaurido a renda dos brasileiros.
-"Os caminhoneiros são os homens do Brasil, heróis da estrada, com garra representando todo o país. Dedicamos esta Honraria aos caminhoneiros de todo Brasil, em especial aos pernambucanos e carnaibanos, pois é preciso fazer intervenção contra atos abusivos do governo, e os caminhoneiros estão fazendo isso por todos nós"!. Disse o Presidente Neudo.

A Moção foi aprovada por unanimidade.

Proxima